11 tipos de pessoas que vão ao Shopping

O Shopping teoricamente é um lugar público,  e por isso, acho que acaba sendo um reflexo da sociedade, pois é onde encontramos diversos tipos de pessoas, e eu quis descrever 11 desses tipos aqui.

Emos – Bom, pra que não sabe emos, resumindo, são aquelas pessoas que costumam andar de preto, roupas coladas, os garotos costumam alisar o cabelo e usar franjas, têm tendência a serem depressivos, têm fama de cortar o próprio pulso, e talvez por isso, não costumam sorrir. Essas pessoas sempre andam em grupos nos shoppings, pois sabem que naquele grupo eles são aceitos. Eles chamam muita atenção devido às suas bizarras, respectivas e repetitivas aparências.

Aposentados e pensionistas do INSS – Pra inveja geral da nação, essas pessoas costumam ir ao shopping segunda de manhã, ou segunda a tarde, (menos a noite, porque são fãs de Jornal Nacional e dão Boa Noite pro William Bonner) e geralmente são aqueles shoppings que tem supermercado, porque aí eles aproveitam pra tomar o café da manhã que tem lá e comprar aquele biscoito maisena que não pode faltar. A maioria que compõe o grupo são pessoas da terceira idade que vão se chocar caso um dia encontrem o grupo emo andando por aí comprando all star.

Madames – São aquelas mulheres que freqüentam aquele salão dentro do shopping pelo menos uma vez por semana, nem que seja só pra lavar o cabelo com Kerastase e fofocar sobre a novela das 8. Aproveitam pra olhar a moda nas vitrines e sempre compram uma blusinha ou um sapato que estavam precisando muito. Elas geralmente vão embora sozinhas e costumam ter muito cuidado na hora de pegar na chave do carro, pois as unhas estão com esmalte fresco.

Estudantes – Pelo menos aqui no Rio, quarta feira o cinema é mais barato. Estudante geralmente já é ferrado de dinheiro e vive reclamando da escola. O que faz com que eles lotem o cinema nas quarta feiras, pagando meia num dia de promoção. Claro, não são todos, a maioria são aqueles que não querem nada, a minoria vai de vez em quando e todos vão nas férias, promovendo filas maiores que as do caixa da C&A em época de natal.

Cults – Cults são aquelas pessoas antenadinhas, que escutam Bjork e não fingem ler Clarice Lispector, marcam com os amigos pra tomar um café e falar mal do capitalismo e também vão às livrarias, escolhem um livro pra ler até metade justamente dentro da livraria naquela parte que tem mesinhas e café (cults adoram café ou mate) e no final das contas não compram o livro que leram, mas compram uns três que geralmente abordam críticas.

Playboys ou playssons – São aqueles que adoram zoar com a cara dos emos. Eles também andam em bando e infelizmente escutam música, ou melhor, “funk neurótico” num volume bem alto e o que é pior, com som distorcido de celular. Eles usam tênis pão-doce e blusa da Quicksilver e tentam azarar as gatinhas na faixa etária de 12-15 anos. Importante ressaltar que eles se chamam de “leks”.

Família – É difícil ver uma família hoje em dia andando junta no shopping por que: os membros do sexo feminino querem ver todas as lojas e promoções, provar todos os vestidos e calças jeans, e os membros do sexo masculino ficam impacientes e isso gera fome, o que faz eles irem ao restaurante mais perto para comer.

Artistas e o pessoal da mídia – Geralmente estes só ficam de 40 minutos à 1 hora no shopping. Pois é o tempo suficiente para irem à lojas boas e grifes e gastar  muitos salários mínimos + muitos tickets-refeição, ou é o tempo suficiente de encontrar amigos num restaurante numa terça feira para almoçar, tipo Carolina Dieckman e Cláudia Gimenez. Também é o tempo suficiente para eles serem fotografados pelos paparazzis e estarem no site ego 15 minutos após saírem do shopping. Obs: não tente encontrá-los no Norte Shopping.

Pessoas que vão ao shopping em dezembro – Como a desigualdade social no nosso país é grande, existem muitas pessoas que possuem baixa renda e só vão ao shopping no final do ano, pois é quando recebem o décimo terceiro. Vão as Casas Bahia comprar sofá novo, compram latas de tinta pra pintar a casa, árvore de natal e pisca-pisca e também compram presentes pra família e o presente do amigo oculto de reveillon.

Casais – Sábado à noite eles costumam fazer filas e lotar o cinema e os restaurantes, pois a maioria não quer ficar em casa vendo Zorra Total e comendo pizza da Sadia. Sábado à tarde eles também vão ao shopping para comprar aquele presente pra prima, sobrinha, tia, sogra, que vai fazer aniversário mais tarde e comemorar na laje com um churrasquinho esperto.

Trabalhadores – Alguns preferem gastar o dinheiro com cerveja sexta à noite, tomando conta dos barzinhos em shoppings e ficando bêbado a ponto de aplaudir aquele cara que ta cantando música ao vivo mal pra caramba. Alguns trabalham tanto que têm pena de gastar muito dinheiro na conta de luz ligando o ar quando está muito quente, aí vão para o shopping aproveitar o ar condicionado de lá.

Acho até que deve existir mais um grupo de pessoa que eu não relatei aqui, mas é isso aí.

Advertisements

3 comments so far

  1. Trovisco on

    Bom,até 2012 eu paro de comer morangos!

  2. Israel on

    E vc está em qual grupo mesmo? 🙂

  3. Carolina on

    Post muito massa o seu 😀
    o pior é que tudo isso é verdade, hahaha =’)


Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s

%d bloggers like this: